quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

FEMINÍSMO E RELIGIÃO : DIGNA HUMILDADE

Parece-me inconcebível

Disseminação de igualdade

Não foi, nem será...

Originalmente fundamentada em Cristo!

“E as honras aos nobres e reis?

Obediências dos servos aos senhores?

“Submissão” das mulheres aos maridos?

“Dai honra a quem é digno de honra?

“O menor aqui, será maior no meu reino?

Como poderia, assim seguindo...

Quem masculinizou a mulher?

Tirando-lhe o que lhe é mais excelente

Colocando-a em busca de direito de domínio?

Ninguém entra em guerra por igualdade!

O conceito será falso se assim for!

Quem roubou meu direito particular?

Não está dentro do respeito ao todo?

O único soma,

No corpo, faça parte dele!

Um é o cabeça,

Outros olhos, outra boca, pés...

Liberdade de direito particular

Harmonia no corpo,

Ou teremos anarquismo!!!

Que não tolera o cristianismo!

Que gerou o verdadeiro valor do respeito!

Almeida, Joel. Túmulo de Roecken. 2002

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AJA-DJA Brasil (2001)

AJA-DJA Brasil (2001)
Obra apresentada no salão de poesia "Psiu Poético" (Montes Claros-MG)

Sobre o Poeta Joel Almeida

O POETA MORREU, AGORA O POETA VIVEU?